Todo pai e mãe sabe que, em troca de receber o amor de um filho, é preciso abrir mão de alguns prazeres da vida. Ter filhos é ter mais alegria e também menos liberdade. Mas, felizmente, de uma coisa não é preciso abrir mão: de viajar. Saiba agora como aproveitar o Chile com crianças.

O Chile é “kids friendly”

O Chile tem especial respeito com as crianças e, de quebra, com os pais. Há brinquedos infantis de todos os tipos em praticamente todos os lugares.  Mesmo quando o passeio não tem grandes atrações infantis, há sempre algum playground para distrair os mini-turistas. Até o aeroporto de Santiago tem parquinho.

Atrações em Santiago

Clássico para muitas famílias, subir o Cerro San Cristóbal para visitar o Zoológico agrada todas as idades. O zoo fica na primeira etapa da subida feita com o funicular (um tipo de bondinho).

O espaço funciona todo ano, até as 18h. Lá é possível ver animais como os flamingos e pinguins, a céu aberto. No final do passeio, vale subir até o Parque Metropolitano no topo do morro e aproveitar uma das melhores vistas de Santiago.

O Parque Bicentenario de la infancia também costuma ser especial para pais e filhos. Por lá a família encontra um ambiente agradável, contato com a natureza e espaços de juegos infantiles capazes de brilhar os olhos dos pequeninos.

Os playgrounds têm enormes redes com camas elástica, cascata de escorregadores de pedra, labirintos verticais e muito mais diversão.

Ah! Se seu filho não gosta de museu, é porque ele nunca foi até o MIMMuseu Interativo Mirador. No MIM as crianças podem tocar em tudo!

É por isso que o MIM é o museu mais visitado do Chile. É um verdadeiro parque de diversão educativo. As crianças aprendem brincando vários conceitos de física, química, geografia e artes. As atrações incluem programas com horário fixo sobre alguns conceitos mais difíceis, que são explicados por guias usando toda uma linguagem especial. Fascinante!

 

chile-com-criancas-museu-interativo-mirador

 

“Trabalhar” nas férias também é divertido

Com uma proposta parecida, o Kidzania é uma cidade em miniatura onde os pequenos podem “brincar de trabalhar” e ver como a cidade “funciona”. A proposta é a criança poder ser o que quiser e interpretar mais de 60 profissões como bombeiro, médico, fotógrafo, jornalista, operário, caixa de supermercado, e por aí vai.

Os ambientes são muito reais. As crianças recebem uma pulseira com sensor que permite estar sempre perto dos pais. Tem até dinheiro típico e banco próprio. O Kidzania fica no Parque Arauco, perto do shopping de mesmo nome. Uma folga para os pais fazerem suas comprinhas depois.

Por falar em parque de diversões, o parque Fantasilandia tem diversas atrações para várias idades. As de maior sucesso são o  Kid’s Zone (para os mais novos), o Buin Zoo, o zoológico do parque, e claro, as montanhas-russas e brinquedos que exigem mais adrenalina para divertir toda a família.

 

chile-com-criancas-kidzania

 

Contato com a Neve

E qual brasileirinho (ou brasileirão) não se encanta com o contato com a neve pela primeira vez? São muitas as estações com opções para várias idades. Opções de cursos de esqui ou tobogãs no gelo estão no cardápio de quase todas.

Vale apenas um cuidado em relação aos passeios que acontecem na Cordilheira dos Andes. Com altitude acima de 2.500 m, esses passeios recomendam prévia avaliação médica para os pequenos. Alguns lugares não são recomendados para menores de dois anos, só com permissão médica. Mas vale lembrar que isso não é um impeditivo. Muitas famílias visitam o Chile com crianças e curtem a neve sem problemas.

(foto de capa)

Cuidados de viagem

Depois de explorar todas as vantagens de visitar o Chile com crianças, é bom pensar em todas as precauções de viagem. Crianças são visitantes exigentes e merecem todo o cuidado.

Todos os países da América do Sul, incluindo o Chile, aceitam RG original para entrar em seus territórios. Então para passar na imigração basta apresentar documento de identidade (RG) ou certidão de nascimento original.

Dicas para a viagem de avião

Não existe idade mínima para viajar de avião, porém é recomendado que a criança só viaje a partir dos três meses, que é o prazo para a criança tomar as principais vacinas. Vale sempre consultar o seu pediatra antes de visitar o Chile com crianças.

Procure sincronizar o horário do voo com os períodos de sono do pequeno. No caso de trajetos longos (com origem no Norte ou Nordeste, por exemplo) prefira os voos noturnos. Também é possível reservar assentos nas fileiras dianteiras, mais espaçosas.

Cogite adicionar à mala um carrinho de bebê. Ele serve de berço e suporte para carregar aquela sacola gigante com os itens de sobrevivência.

No caso dos maiorzinhos, uma mochila também pode ser útil, com uma muda de roupas para pequenos acidentes. Lanchinhos, tablets com joguinhos e outros passatempos também são recomendados para lidar com o tédio dos momentos de espera.

Por falar em lanchinhos, as autoridades chilenas são muito rígidas com fiscalização. Evite levar frutas e alimentos frescos. Produtos industrializados são mais aceitos.

Agora que você já sabe que é tranquilo curtir o Chile com crianças de todas as idades, até com crianças maiores de 18, que tal já planejar as próximas férias? Entre em contato com nossos consultores.

One thought on “Procurando diversão para toda a família? Aproveite o Chile com as crianças

  • Cesar Venaglia disse:

    Quero deixar registrado minha satisfação com a equipe da Destino Chile.
    Tudo começou ao encontrar a vendedora Bruna. Fantástica. Extremamente atenciosa, prática e eficaz. Ajudou-nos demais na definição dos passeios e nos ajustes dos melhores dias e horários.
    Nos passeios, ótimos guias, mas destaco a atenção, educação e profissionalismo do guia e motorista Reinaldo. Excelente.
    Recomendo os serviços profissionais da Destino Chile.

Reply or Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

EnglishPortuguêsEspañol