fbpx

Quando se fala em deserto, a maioria dos brasileiros pensa logo na África. Mas não é preciso atravessar o oceano para descobrir os mistérios e as belezas desse fenômeno da natureza. O deserto mais seco do mundo é o Atacama, e ele está pertinho do Brasil. Descubra agora onde fica o deserto do Atacama.

 

Onde fica o deserto do Atacama

Antes de tudo, uma rápida descrição técnica. O deserto do Atacama ocupa uma área de aproximadamente 100 mil quilômetros quadrados na região Norte do Chile. Sua extensão, seguindo pela zona costeira (norte/sul), é de cerca de 1.600 km, com a sua largura (leste/oeste) chegando a até 180 km de distância do litoral.

Como se pode ver, é uma imensidão. Com um tamanho tão grande, onde é melhor desembarcar para conhecer o deserto do Atacama? Fácil: a “capital” informal do deserto, onde todos os turistas se hospedam para poder aproveitar o Atacama ao máximo, é a pequena cidade de San Pedro do Atacama.

San Pedro do Atacama fica na província de El Loa, a 1.700 quilômetros de Santiago. Sim, fica distante da capital chilena. Mas não se preocupe. Nós sabemos como chegar lá e te contaremos tudo. Confira.

 

Como chegar no deserto do Atacama

Existem várias maneiras de chegar no deserto do Atacama. O visitante pode ir de ônibus, carro ou avião. Inegavelmente a opção mais cômoda é a viagem de avião. Então vamos começar por ela.

 

  • Viagem de avião até Calama

Não é preciso ser nenhum desbravador dos sete mares para conhecer o deserto. O Atacama conta com um aeroporto. Entretanto, há alguns obstáculos que precisam ser vencidos para chegar lá.

O primeiro é que não há voos diretos ligando o Brasil à cidade de San Pedro do Atacama. O turista brasileiro precisa fazer uma conexão em Santiago do Chile (ótima desculpa para curtir a capital chilena). De lá, se pega um voo até o aeroporto mais próximo de San Pedro do Atacama: o aeroporto de Calama.

Os voos entre São Paulo (ou Rio de Janeiro) e Calama, com conexão em Santiago, levam cerca de 8h e custam a partir de R$ 600. Quem prefere comprar os dois trechos (São Paulo / Santiago / Calama) juntos pode acessar o site da Latam e fazer a reserva.

Já se o foco é obter ótimos preços, uma boa opção é comprar as passagens internacionais (São Paulo/Santiago) em uma companhia e as domésticas (Calama/Santiago) em outra. A Sky Airline, por exemplo, tem passagens domésticas por apenas R$ 40.

 

 

Reply or Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*