fbpx

Está chegando a hora! A final da taça Libertadores 2019, o principal torneio de clubes do continente, está se aproximando. Dessa vez ela tem gostinho especial. Afinal, independentemente de quem sejam os times finalistas, a competição será decidida no estádio Nacional de Santiago. Saiba mais.

Inegavelmente há duas épocas do ano em que fãs de futebol de todo o mundo param tudo para ver um jogo na TV. A primeira é a final da Liga dos Campeões da Uefa.  A outra é a final da taça Libertadores da América.

A “Uefa Champions League” já tem um vencedor, o Liverpool. Resta saber agora quem será o campeão da Libertadores. O vencedor provavelmente enfrentará o campeão europeu no mundial de clubes a ser realizado no Catar.

No meio de toda essa expectativa, uma novidade. Você deve se lembrar que o campeão da Libertadores era decidido com dois jogos nas cidades dos times finalistas, certo? Neste ano será diferente. A final tem partida única e em local pré-definido: o estádio Nacional de Santiago.

A partida está marcada para o dia 23 de novembro, um sábado, dando a oportunidade para que os turistas possam não apenas ver o jogo mas também aproveitar o que a capital do Chile tem de melhor.

 

Santiago foi escolhida por conta de sua infraestrutura

De acordo com a Conmebol, entidade que organiza a competição, o estádio Nacional de Santiago foi escolhido após uma avaliação que analisou diversos critérios. Os principais foram a capacidade de organização dos chilenos, logística do país, ótimos índices de segurança e excelente infraestrutura.

Foram levados em consideração ainda o apoio político ao evento, aspectos sociais, a infraestrutura de mobilidade urbana da cidade e os meios de hospedagem.

Representantes da Conmebol visitaram hotéis, estádios e aeroportos de três países sul-americanos antes de decidir o local ideal de competição.

 

city-tour-santigo-moderno-e-concha-y-toro

 

Brasileiros na final

Para os brasileiros, a final da Libertadores terá gostinho especial. O jogo contará com um time do Brasil: Grêmio (último time brasileiro a ganhar a competição) ou Flamengo. Os times decidem o finalista em outubro, um mês antes da sonhada viagem a Santiago.

Mas não é preciso esperar tanto para se planejar. Afinal, um dos objetivos da partida única em local definido antecipadamente é permitir que os turistas possam se programar com antecedência.

 

 

Valores dos ingressos

As vendas de ingressos começaram no dia 30 de agosto, no site da Conmebol. O ingresso mais barato custa 80 dólares (cerca de R$ 320). O mais caro, 250 dólares (pouco mais de mil reais). Mas há outros setores sendo vendidos a US$ 100 (R$ 400) e US$ 150 (R$ 600).

 

O estádio Nacional de Santiago

O estádio é o principal complexo esportivo do Chile e tem capacidade para cerca de 49 mil pessoas. A seleção nacional do Chile usa o estádio para disputar jogos amistosos ou os jogos das eliminatórias da Copa do Mundo. Desde 2003 é considerado monumento nacional.

O Nacional tem muita história para contar. O complexo esportivo recebeu a final da copa do mundo de 1962, vencida pelo Brasil (2 x 1 sobre a Tchecoslováquia). Além disso, é o estádio que mais recebeu jogos da copa América e o 2º que mais recebeu finais da Libertadores.

Entretanto, nem só de boas lembranças vive o estádio. Ele foi usado também como uma espécie de presídio de presos políticos (sem julgamento) durante a ditadura militar chilena, em 1973.

Mais de 12 mil presos passaram pelo estádio naquele ano, muitos dos quais foram torturados ou mortos em suas dependências. O centro de detenção só foi fechado porque a seleção chilena precisou disputar uma partida decisiva no estádio, contra a União Soviética.

O vencedor garantiria vaga na Copa do Mundo da Fifa de 1974. A União Soviética se recusou a jogar em um local que estava sendo usado como “campo de concentração” e, com isso, o Chile se classificou por W.O.

Dica: ao visitar o estádio, fique de olho em suas paredes. Numa delas há uma placa em homenagem aos presos. Já na arquibancada, observe uma parte isolada por grades. Ela é sinalizada pela frase “um povo sem memória é um povo sem futuro”.

Esse trecho da arquibancada mantém ainda as características de como era o estádio em 1973, com seus velhos bancos de madeira. É um monumento a todos que foram mortos pela ditadura.

 

 

Como chegar no estádio Nacional de Santiago

O estádio fica na rua Grécia. A melhor opção para chegar até lá é pegar o metrô e descer na estação Ñuble, da linha 5 (verde). De lá, caminhe cerca de 10 minutos pela rua Carlos Dittborn até o palco da final da Libertadores 2019. Não tem como errar, pois você verá o estádio desde a saída do metrô.

Como se pode ver, a final da Libertadores 2019 é uma oportunidade imperdível não só de curtir um bom futebol, mas também de conhecer mais sobre a história e a cultura do Chile. Quer mais dicas sobre Santiago? Explore nosso “guia de verão para brasileiros no Chile” e aproveite sua viagem ao máximo.

 


blog-PlanejandoViagem-728x90_OFICIAL-02

 

Reply or Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*