fbpx

Uma das melhores coisas de viajar é poder escolher uma lembrancinha ideal para cada amigo que a gente deixou no Brasil. E se a viagem for para um local singular, como o deserto do Atacama, a diversão é ainda maior. Está em dúvida de qual o presente ideal? Confira dicas sobre o que comprar no Atacama.

Quem vai para o deserto do Atacama certamente se hospedará em San Pedro de Atacama, uma pequena cidade que é considerada o “coração” do deserto. É lá, inegavelmente, que se hospeda a grande maioria dos turistas que vão participar das aventuras no deserto mais seco do mundo.

Com tantos turistas, a demanda por lembrancinhas do deserto é, portanto, grande. E, por isso, a cidade conta com inúmeras lojinhas de artesanato e obras de arte. Com efeito, há opções para todos os gostos e bolsos. Veja alguns exemplos do que você vai encontrar.

 

Em dúvida sobre o que comprar no Atacama? Artesanato é sempre uma boa pedida

A avenida principal de San Pedro de Atacama é a Calle Caracoles, que reúne hotéis, restaurantes e, claro, lojinhas diversas para entreter o turista. É lá também que você encontrará lindos artesanatos para levar para sua casa ou para seus amigos.

Entre em todas as lojinhas que puder. Certamente você encontrará, em cada uma, artigos únicos que agradarão a alguém. Mas não compre tudo na primeira loja que encontrar.

O “centro” do artesanato de San Pedro de Atacama fica perto da igreja de San Pedro, na praça principal da cidade. É a “Feirinha de Artesanatos de San Pedro”. Certamente uma atração turística imperdível.

Por lá você encontra de tudo: bijuterias, velas, sabonetes, bordados, crochês, artesanatos em madeira, bolsas customizadas, panos de pratos, tapetes e obras de arte. Vale super a pena! Veja algumas opções.

 

Dicas de presentes

 

  • Chaveirinhos temáticos

O mais clássico dos presentes é vendido em San Pedro de Atacama por valores que variam de 1.000 a 2.000 pesos chilenos (entre R$ 5 e R$ 10, aproximadamente).

 

  • Ímãs de geladeira

Outro clássico, para você se lembrar das belezas do deserto a cada vez que for beber água. Preços de 1.000 a 2.000 pesos chilenos (entre R$ 5 e R$ 10).

 

  • Porta-copos

Que tal marcar um jantar com os amigos para contar tudo sobre a viagem ao Atacama? Nessa hora, nada melhor que criar o clima ideal com porta-copos com temas do Atacama. Um jogo de porta-copos com quatro ou seis unidades custa entre 4.000 e 6.000 pesos chilenos (de R$ 20 a R$ 30).

 

  • Potinhos de cerâmica

Com os potinhos de cerâmica da feirinha, a decoração de sua casa vai ficar ainda mais bonita. Preços variam entre 5.000 e 15.000 pesos (R$ 25 a R$ 75).

 

o-que-comprar-no-atacama

 

Para quem ama tecidos com estampas exóticas

 

  • Lhamas de pelúcia:

Ideal para crianças ou para aqueles amigos que amam pelúcia, as pequenas lhamas custam a partir de 1.000 pesos chilenos (R$ 5). As maiores podem chegar a até 6.000 pesos (R$ 30), mas são uma delícia de apertar!

 

  • Capas de almofadas

Capas “estilosas” são vendidas por 5.000 pesos (R$ 25).

 

  • Ponchos

Que tal se proteger do frio com estilo? Os ponchos são uma peça de roupa típica da região e são lindíssimos. É um tipo de capa quadrada, de lã, com apenas uma abertura para a passagem da cabeça. A peça fica confortavelmente presa no pescoço e pendurada nos ombros.

É possível encontrar ponchos por preços que vão desde os 15.000 pesos chilenos até os 30.000 pesos (de R$ 80 a R$ 160).

 

  • Toalha de mesa

Cansado da mesmice das toalhas de mesa vendidas no Brasil? Que tal uma toalha de mesa feita artesanalmente no deserto? Elas podem ser compradas por preços que vão desde os 5.000 até os 10.000 pesos chilenos (R$ 25 a R$ 50).

 

  • Mochilas e bolsas

Há opções muito elegantes a partir de 15.000 pesos chilenos (R$ 80).

A feirinha é ótima e tem preços melhores que as lojas de rua. Mas há uma desvantagem: o horário de funcionamento. Ela funciona apenas nos finais de semana e feriados, das 9h às 17h.

 

o-que-comprar-no-atacama

 

Dica para compras de luxo

Há muito artesanato bonito nas lojinhas e feirinhas, mas quem prioriza a qualidade pode preferir visitar as boutiques de luxo do Atacama. Elas são mais caras, mas as peças são de encher os olhos – e esvaziar os bolsos.

Nesse aspecto, um ótimo lugar para compras é o Mercado Blanco, uma espécie de shopping a céu aberto que reúne mais de 10 lojas, restaurantes e cafés. No local o visitante pode observar a fabricação de peças de cerâmica e assistir uma artesã produzindo uma bolsa, tudo isso ouvindo boa música.

O Mercado Blanco fica na rua Calama, e abre diariamente das 10h às 22h.

 


blog-PlanejandoViagem-728x90_OFICIAL-02

Lápis-Lazuli

O primeiro passo a se tomar antes de comprar a lápis-lazuli é analisar o preço. Se a joia ou o artesanato estiver com valor muito abaixo da média de mercado, desconfie.

Outra coisa que o turista pode fazer é procurar, na pedra, pequenas manchas de cor metálica. O que à primeira vista pode indicar uma peça de má qualidade, é na verdade um indício de que a lápis-lazuli é autêntica. Essa mancha é formada por uma substância de nome “pirita”, que se mistura à pedra preciosa.

Quem quiser ser mais radical pode usar um isqueiro para queimar a pedra por alguns segundos. Se for uma falsificação, a joia vai começar a derreter, o que não acontece com a pedra verdadeira.

Mas a melhor dica mesmo é comprar a lápis-lazuli apenas em lojas tradicionais. A maior delas é a “Piedras Australes”, que existe há 45 anos. A empresa tem lojas no Chile, na Argentina e na Austrália.

Se você quiser comprar as melhores peças em lápis-lazuli, com garantia de qualidade, vá até as lojas da empresa no Chile. São três, sendo duas em Santiago e uma em San Pedro do Atacama.

Agora que você já sabe o que comprar no Atacama, é hora de se planejar. Fale com um de nossos consultores e receba um orçamento para fazer a melhor viagem de sua vida.
 
 
 

Reply or Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*